Ele não está aqui…

..mas ressuscitou!

Já pensou? E se você fosse até uma cerimônia fúnebre e o morto não estivesse lá? Parece insano e sem sentido, mas é disso que estamos falando. A ressurreição é um ponto central do Evangelho, e não só isso, mas é também a marca da vitória de Cristo sobre a morte. Isso quer dizer, que nem a morte mais dá a última palavra sobre nós.

A obra da morte e da ressurreição do Filho não é apenas um evento histórico, mas é um evento espiritual. Nelas, fomos incluídos, morremos e ressurgimos juntamente com Jesus. A cruz nos trouxe a vida! “Porque nenhum de nós vive para si mesmo, nem morre para si. Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. Quer, pois, vivamos ou morramos, somos do Senhor. Foi precisamente para esse fim que Cristo morreu e ressurgiu: para ser Senhor tanto de mortos como de vivos.” Romanos 14:7-9.

Jesus morreu e ressurgiu para que em nós fosse plantada a cura para o pecado. A Bíblia nos dá esta garantia: “Esteja absolutamente certo, pois, toda a casa de Israel de que este Jesus, que vós crucificastes, Deus o fez Senhor e Cristo.” Atos 2:36.

Muitos líderes religiosos e políticos morreram e se tornaram lendas eternas no chão da história dos homens, foram grandes influenciadores, cunharam frases que marcaram a história e são vistos como grandes mestres de filosofias que ainda perduram pelos séculos. Mas há em Cristo uma qualidade que o difere, Ele ressurgiu da morte. Isso faz toda a diferença!

Somente o Filho de Deus legítimo pôde vencer a tão temida morte. Satanás pode aparecer como o messias em seus vários disfarces, e, no fim do mundo, se apresentará como benfeitor e filantropo; mas satanás jamais poderá aparecer com as cicatrizes nas mãos.

A obra da Cruz nos garantiu uma vida eterna com Ele, mas também nos proporciona uma vida mais abundante para esta experiência do aqui e agora, que é passageira e reduzida: “Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens.” 1Coríntios 15:19. Jesus nos deu condição de nos tornamos Filho dele para todo sempre.

A obra da Cruz não está disponível somente para alguns tipos de pessoas, mas todo aquele que desejar beber da fonte da vida, e que confessar o seu senhorio, pode vivenciar esta obra completa por meio de Cristo. Os seus Filhos estão em toda parte e testemunham dessa verdade da vida eterna. “Os apóstolos davam, com grande poder, testemunho da ressurreição do Senhor Jesus, e em todos eles havia abundante graça”. Atos 4:33.

Jesus é a esperança para os seres rasos que nos tornamos depois do pecado dos nossos pais Adão e Eva. Jesus é o caminho para todo aquele que ainda é vítima da morte. Jesus é a única solução para todos! A nossa fé não tem cadáver a mostra, mas por outro lado, é um esplendor de glória. Não precisamos mais nos subjugar a morte, ela foi derrotada, assim como os efeitos do pecado e também o inimigo de nossas almas. Jesus venceu! E por meio da cruz, vencemos com Ele. Glórias a cordeiro de Deus! Aleluia pela nova vida que nos foi dada!

Hoje podemos exultar: “O cordeiro está vivo e mora em mim para todo sempre! Amém!”


Murillo Leal

Print Friendly, PDF & Email
0 respostas

Deixe uma resposta

Deixe sua opinião
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *